Nossa Identidade

Uélia Dias  »   junho 2022

Segundo o dicionário Houaiss, Identidade é qualidade do que é idêntico; conjunto de características que distinguem uma pessoa ou uma coisa e por meio das quais é possível individualizá-la; igualdade entre as expressões, que se verifica para todos os possíveis valores atribuídos às variáveis que elas contêm. Ter a identidade de Cristo Jesus é querer ser idêntico a Ele, é almejar ter sua semelhança, personalidade, caráter, natureza, características e qualidades, é imitá-lo como disse Paulo em 1 Co 11.1, de tal maneira que possamos exalar o seu bom perfume, ao ponto de sermos reconhecidos como servos dEle sem abrir a nossa boca. Entretanto seria possível imitar Jesus em nossos dias? Sim! Claro que sim, fomos feitos a imagem de Cristo Gn 1.26 e para que consigamos imitá-lo dependemos da ação do Espírito Santo em nossas vidas porque só o Espírito Santo de Deus é capaz de nos transformar, auxiliar, ensinar e convencer do pecado, juízo e justiça Jo 14.26.

Se somos de Jesus, o Espírito Santo habita em nós e Ele será capaz de nos moldar e tornar semelhante a Cristo Jesus essa transformação refletirá em nossos atos e atitudes. Ter a identidade de Cristo significa que fomos feitos para sua glória e a sua identidade nos habilita para fazermos discípulos obedecendo assim a ordem que Jesus estabelece para seus servos fiéis. Se pensarmos no poder da palavra e na ordem expressa por cada verbo como descrito em Mt. 28.19 quando Cristo Jesus nos dá uma ordem para fazermos e sermos seus discípulos em todo e qualquer lugar.

“Ide” que se encontra no modo imperativo afirmativo e na segunda pessoa do plural, expressa uma ordem direta, Ele nos ordena e nos dá autoridade para pregar o evangelho, não deixa dúvida que temos que fazer discípulos, porém em um tempo hoje em que o nosso “eu” se encontra sempre a frente dos propósitos de Cristo. Como poderemos nos submeter as suas ordens? Buscando resposta para este questionamento e estudando a palavra de Deus vejo-nos desafiados a buscar e querer ter uma identidade como a de Cristo Jesus de tal forma que sejamos seus imitadores em todo tempo Sl 9.10.

Prosseguir em busca de nos assemelharmos ao nosso Jesus requer uma vida de oração para que nasça uma intimidade entre nós e Cristo, necessário é conhecê-lo na íntegra através da leitura, estudo e vivência da sua palavra. Seguir a Jesus envolve um processo de: anulação da nossa natureza e de nossos desejos carnais, envolve um processo de relacionamento com Ele, de transformação pessoal e de um propósito: sermos frutíferos com o objetivo final de transformarmos o mundo. Essa ordem ficou clara para os primeiros discípulos que ao escreverem suas cartas se identificavam como servos e discípulos de Jesus Rm 1.1, Fp 1.1, 1Pe 1.1. Está é a identidade dos discípulos e a nossa também, somos discípulos e servos de Jesus, portanto sejamos obedientes e cumpramos a sua palavra.

Quando Cristo nos ordena e desafia a fazermos discípulos no sentido íntegro e amplo da palavra, sendo discípulo aquele quem estuda, aprendiz, aluno, que segue ideias e que imita exemplo. Fazer discípulo vai muito além de entregarmos um folheto, ou dizermos “Jesus te ama e quer salvar-te”, observando a prática dos nossos primeiros irmãos e o surgimento da igreja no livro de Atos. O discípulo requer um acompanhamento de perto, lado a lado, ensinamento constante e que tenhamos exemplo para que ele possa seguir, que os conduzamos a dependência do Espírito Santo e a fé em Cristo Jesus como nosso Salvador.

Fazer discípulo é construir um relacionamento intencional que se torne em conversão e santificação ao longo da caminhada como servos fiéis de Jesus. Só seremos capazes de fazer discípulos se formos idênticos a Cristo e essa tem que ser a nossa busca constante, nos tornarmos como nosso Salvador e Senhor numa procura incessante através da meditação, alimentação e deglutinação da palavra de Deus, desta maneira poderemos cumprir o seu “Ide”. Deus ordenou a Josué em Js 1.7-8 que meditasse em sua palavra de dia e de noite e não se desviasse dela nem para a direita e nem para a esquerda, para que sejas bem-sucedido por onde fores. Portanto prossigamos em buscar ao Senhor Jesus com toda a nossa força e de todo o nosso entendimento para que cheguemos à estatura de varão perfeito e idêntico a Jesus Cristo de Nazaré.

Uma resposta para “Nossa Identidade”

  1. Miriã disse:

    Desafiador, esse deve ser o alvo diário de todo cristão, o ser como Cristo. Parabéns minha irmã, louvado seja Deus pela sua vida e disposição

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.