Não oro mais para a pandemia parar…

Edgar Donato  »  abril 2021

Há pouco tempo eu orava para a pandemia parar…. Em minha visão míope, mesquinha e micro, achava que essa paralização geral deveria acabar logo, mesmo sabendo que Deus estava tratando com a humanidade de modo geral e com o seu povo em particular. Ao ler Provérbios 1, tive outra perspectiva. Veja:

“Visto que desprezaram totalmente o meu conselho e não quiseram aceitar a minha repreensão, eu, de minha parte, vou rir-me da sua desgraça. Zombarei quando o que temem se abater sobre vocês, como uma tempestade, quando a desgraça os atingir como um vendaval, quando a angústia e a dor os dominarem. Então vocês me chamarão, mas não responderei, procurarão por mim, mas não me encontrarão. Visto que desprezaram o conhecimento e recusaram o temor do Senhor, não quiseram aceitar o meu conselho e fizeram pouco caso da minha advertência, comerão do fruto da sua conduta e se fartarão de suas próprias maquinações. Pois a inconstância dos inexperientes os matará, e a falsa segurança dos tolos os destruirá; mas quem me ouvir viverá em segurança e estará tranquilo, sem temer nenhum mal. ” Provérbios 1.25-33

Palavras fortes…. Somente no Antigo Testamento? Não! Observe também em Romanos:

“Por isso Deus os entregou à impureza sexual, segundo os desejos pecaminosos do seu coração para a degradação do seu corpo entre si…   Por causa disso Deus os entregou a paixões vergonhosas…  Além do mais, visto que desprezaram o conhecimento de Deus, Ele os entregou a uma disposição mental reprovável, para praticarem o que não deviam. Tornaram-se cheios de toda sorte de injustiça, maldade, ganância e depravação. Estão cheios de inveja, homicídio, rivalidades, engano e malícia. São bisbilhoteiros, caluniadores, inimigos de Deus, insolentes, arrogantes e presunçosos, inventam maneiras de praticar o mal. Desobedecem a seus pais; são insensatos, desleais, sem amor pela família, implacáveis…. Romanos 1.24-31.

Tiago arremata: “De onde vem as guerras e contendas que há entre vocês? Não vêm das paixões que guerreiam dentro de vocês? Quando pedem, não recebem, pois, pedem por motivos errados, para gastar em seus prazeres. ” Tiago 4.1-3

Assim, lembrei-me da oração do Pai Nosso, “Seja feita a tua vontade”…  Lembrei-me também da Soberania do Senhor: “Ó profundidade da riqueza da sabedoria e do conhecimento de Deus! Quão insondáveis são os seus juízos e inescrutáveis os seus caminhos! Quem conheceu a mente do Senhor? Ou quem foi o seu conselheiro? ” Romanos 11.33-34.

Será que a Palavra é insensível, rígida e sem compaixão? Claro que não!  Creio e pronto! Pois haverá um tempo em que o juízo de Deus cairá inescapavelmente, inexoravelmente e irreversivelmente. Porém há pessoas mal-acostumadas, querem ouvir somente palavras de esperança, de bom ânimo, “vai melhorar”, “tudo vai dar certo.”

Deus deu uma chacoalhada nessa humanidade sem freios e indiferente. Quem imaginava uma intervenção viral dessa magnitude? E Ele pegou leve, visto a baixa letalidade do Corona Vírus…

Há mensagem de Esperança também?  SIM: “Deus é longânimo e não deseja que ninguém se perca, mas que todos venham ao conhecimento da verdade. ” II Pedro 3.9

Entendo que há sim uma palavra de Esperança em meio ao caos. Ele prometeu, renovação da misericórdia a cada manhã, mas não para sempre, nessa vida debaixo do sol.

É hora de nos esforçamos para intencionalmente levarmos a mensagem para o maior número possível e nos prepararmos para uma grande colheita de almas.

Ao invés de orar, de “forçar” Deus a fazer o que eu acho melhor, e a nossa visão sempre é tacanha, estreita, tendenciosa…  Estou orando para que muitas pessoas sejam salvas e venham ao conhecimento da verdade, oro para que milhões e milhões sejam preparados para ouvirem o Evangelho e crerem antes de partirem dessa vida.

A igreja precisa se preparar para uma grande colheita de almas. Precisamos de evangelistas e discipuladores, cristãos convictos, engajados, interessados no bem-estar espiritual dos demais…  Tenho orado para Jesus nos ensinar a abordar homens da elite como o religioso Nicodemos; mulheres desacreditadas como a de Samaria; trabalhadores braçais, como os pescadores; pessoas carregadas de preconceito e baixa estima como os leprosos, endemoninhados como o gadareno; cegos como Bartimeu; solitários como a viúva de Naim; jovens como Marta, Maria e Lázaro…  Por que não corruptos como Zaqueu? Anfitriões como Simão, doentes como a sogra de Pedro e por aí vai…

2 respostas para “Não oro mais para a pandemia parar…”

  1. Sergio Costa disse:

    Excelente. Concordo plenamente com o artigo do pastor Edgar Donato. Queremos dominar o próprio Deus, quando sabemos que Ele está no controle de todas as coisas. Confiemos em Deus plenamente pois Ele sabe de tudo. Amém

  2. Palmiro Viana Araújo disse:

    Esta observação do irmão, veio confirmar o que eu estava colocando em prática, quando a pandemia, surgiu lembrei do povo de Israel, as pragas, DEUS tem conhecimento, e liberdade para agir ao tempo determinado por ELE. Oro sim, pelos que estão com Covid, irmãos pela recuperação, e descrentes recuperação para que possam se converterem, segundo a vontade de DEUS. Esta praga veio para alertar os crentes, que estão dormindo, e mostrar aos incrédulos, que DEUS é SOBERANO
    em tudo. Motivo pelo qual devemos em tempo ou fora de tempo acatar a ordem do IDE.
    Isaías 55:8.9 Os meus pensamentos não são os vossos
    pensamentos os meus caminhos não são os vossos caminhos……
    Isto se aplica desde a queda dos nossos pais, até quando recebermos Novo CÉU, e Nova TERRA. Na presença face a face.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *