Deixando o campo missionário, sem deixar de servir a Deus

Redação JA  »   dezembro 2021

Venho por meio desta expressar nossa profunda gratidão pelo apoio, carinho e confiança em nós depositada em todos esses anos no ministério em Moçambique, no decorrer destes quase vinte anos. Deus bondosamente vos usou para nos sustentar e suprir cada uma de nossas necessidades. Quantas provações passamos, porém as vitorias foram mais abundantes. Somos gratos a Deus por nos usar como portadores das boas novas do evangelho de nosso Senhor Jesus Cristo a muitos Moçambicanos. Devido a saúde debilitada de minha esposa, e no ano passado a minha, decidimos, juntos com a liderança da nossa igreja enviadora, bem como a diretoria da MBBF, que estava chegando a hora de deixarmos o campo missionário Moçambicano. Nossa maior preocupação e oração era quem iria dar continuidade a obra do Senhor ali. Mas Deus, na sua soberania, já estava preparando um jovem, que desde criança participava das atividades em nossa igreja. Por volta do ano de 2014, esse jovem decidiu abandonar a sua carreira futebolística para dedicar sua vida ao Senhor. Serviu como diácono, tesoureiro, auxiliou no clube bíblico, ficou responsável pela escola dominical e pelo culto dos jovens. Frequentou o instituto bíblico que ministramos na igreja e também outras formações online. Sabedor de sua decisão de servir ao Senhor no ministério, senti Deus direcionado de que seria ele a pessoa que receberia o bastão. No ano passado, 2020, sentamos para conversar e foi então que lhe fiz a pergunta se ele estaria disposto a dar continuidade àquele ministério. Depois de orar, respondeu positivamente ao nosso convite. No final do ano apresentamos a proposta para a igreja, que prontamente votou favoravelmente, convidando o então Pastor Fernando, para assumir, em janeiro de 2021, como pastor auxiliar até a nossa saída, que na altura estava prevista para o primeiro semestre de 2022. Porém, com o agravamento da minha saúde, em finais de janeiro deste ano, achamos por bem antecipar a nossa viagem para julho. Começamos a nos desfazer de tudo e preparando para a mudança e também encorajando a igreja para essa transição. Chegamos à conclusão de que seria encorajador para as igrejas mantenedoras no Brasil conhecer quem iria assumir o ministério em nosso lugar e ao mesmo tempo conscientizar as nossas igrejas da necessidade de continuar apoiando aqueles ministérios, mesmo depois de nossa saída. Pastor Fernando passou dois meses aqui, de julho a setembro. Tivemos o privilégio de visitar treze igrejas em três estados brasileiros: Paraná, Rio de Janeiro e São Paulo. Graças ao Senhor, Pastor Fernando retornou e agora está liderando a igreja juntamente com a diretoria, e no momento preparando para se casar dentro de alguns meses, se assim Deus permitir. A igreja lá, mesmo em meio às dificuldades, se comprometeu a dar uma parte do sustento para o pastor Fernando, e pela graça de Deus, uma igreja e um irmão aqui no Brasil, tem mandado ofertas, que até o momento tem suprido as necessidades dele, no entanto, a desvalorização cambial de ambos os países, não nos permite estabelecer um valor fixo em reais para o sustento dele.

Quanto a nós, no dia dezoito do mês de outubro a nossa igreja enviadora, decidiu, em assembleia extraordinária, aprovar por unanimidade, a nossa saída do ministério missionário por tempo indeterminado, bem como o nosso desligamento da Missão Batista Brasileira Fundamentalista. Assim procedemos, e o nosso pedido de desligamento da MBBF foi aceito por unanimidade no dia 18 deste mês; e agora estamos comunicando a amada igreja e irmãos, a nossa saída do ministério.

Porém, nosso desejo é continuar apoiando o ministério lá em todos os sentidos, e gostaria de rogar a amada igreja a fazer o mesmo, investindo o valor a nós destinado para aquela obra que é do Senhor e que ainda carece muito do sustento financeiro. Qualquer ajuda financeira, será de responsabilidade da MBBF, fale com diretoria da missão, ou comigo. Juntos providenciaremos os meios para que a vossa ajuda chegue nas mãos dos responsáveis pelas igrejas lá.

Estou saindo do ministério, mas a obra missionária jamais sairá do meu coração. Estarei envolvido na obra de missões, porém do outro lado da moeda. Não sabemos como será nossa vida daqui por diante, mas temos certeza de que Deus suprirá cada uma de nossas necessidades, como sempre fez.

A princípio estaremos montando um pequeno negócio de confeitaria para nosso sustento em nossa casa em Colombo, região metropolitana de Curitiba e estaremos servindo ao Senhor, na igreja onde somos membros e também cuidando da saúde.

Decidimos fazer esse comunicado o quanto antes, para que a amada igreja possa fazer o vosso planejamento anual para o próximo ano com o valor a nós destinado até aqui. Mesmo não tendo mais o compromisso de prestar relatório periodicamente, gostaria de dizer que continuarei a disposição para prestar qualquer informação ou relatório do ministério lá em Moçambique. Pretendo continuar auxiliando a obra lá no que estiver ao meu alcance. Estarei sempre à disposição para qualquer esclarecimento, meu WhatsApp continua o mesmo. +258846031570. Ou (41) 984470318. Que Deus vos abençoe e sempre os mantenha de olhos abertos para a necessidade e urgência de se fazer missões. No amor e por amor de Cristo. Divino Amorim e família.

Bagamoyo, Moçambique

A Congregação Baptista Regular de Bagamoyo em Moçambique, fundada pelo missionário Pr. Divino Amorim, está indo bem sob a liderança do Pastor moçambicano, Fernando Sebastião Vilanculo. Ele veio ao Brasil com Pr. Divino e já está de volta aos trabalhos em Moçambique.

Na primeira quinzena do mês de setembro, logo depois da sua chegada, o governo reabriu as igrejas no dia 25. O fechamento devia-se a um crescente e assustador surto de Covid-19 que ocorria há meses. Desde que as igrejas reabriram, elas só podem ser frequentadas por jovens e adultos, com uma restrição das crianças e adolescentes no culto, no tempo máximo de uma hora de duração em cada atividade na igreja. Assim, com uma frequência de 50% da capacidade do edifício, estão reunindo entre 30 a 35 pessoas nos cultos.

Deus nos tem agraciado a igreja com um grupo de nove pessoas que iniciaram o curso de baptismo e membresia, as quais, se converteram ainda durante o ministério do Pr. Divino e família.

Há, também, um grupo de discipulado constituído por três jovens, cujo objetivo é alicerçá-los nas verdades fundamentais do evangelho para que com mais firmeza, saibam defender a sua fé e transmitam o evangelho e a obediência a Cristo com mais clareza.

No dia 15 de outubro, Deus concedeu ao Pr. Fernando, o privilégio de pedir a mão da sua namorada em casamento, sendo que, desde então estão noivos e buscando reunir toda documentação para marcarem a data para o casamento.

Contatos com Pr. Fernando pelo WhatsApp:  +258 84 267 3433. Com pastor Divino: +258 84 603 1570.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *